Relações com investidores no comando

Relações com investidores no comando

Dezembro 2017

Profissionais de Relações com Investidores (RI) notam uma queda na importância dos centros financeiros globais à medida que direcionam cada vez mais o curso de suas empresas para os investidores, como revela pesquisa do BNY Mellon.

A 11ª edição da pesquisa Global Investor Relations do BNY Mellon mostra que diminuiu o foco nos cinco principais centros financeiros globais como principais fontes para novos e maiores investimentos nos próximos cinco anos. Embora permaneçam as preocupações com o risco geopolítico, os profissionais de RI que responderam à pesquisa consideram os Estados Unidos o centro financeiro global mais resiliente.

Veja esta e outras descobertas da pesquisa entre profissionais de RI de todo o mundo:

Em 2017, 80% dos entrevistados continuaram apontando os Estados Unidos como uma fonte de oportunidades de investimento – número menor que o observado em 2015, quando esse índice foi de 91%. No mesmo período, o Reino Unido, segundo no ranking, caiu de 76% para 58%, seguido pela China (de 50% para 26%), Cingapura (de 44% para 26%)  e Hong Kong (de 37% para 24%).

“Os profissionais de RI estão respondendo a acontecimentos críticos no mercado, como o crescimento do investimento passivo e os desafios que afetam a comunidade global de corretoras, assumindo eles próprios mais responsabilidade pelo envolvimento do mercado”, comentou Christopher Kearns, CEO do negócio de Depositary Receipts do BNY Mellon. “Esses acontecimentos decorrem, entre outras coisas, de reformas regulatórias resultantes da MiFID II (Markets in Financial Instruments Directive II – em português, Diretriz dos Mercados de Instrumentos Financeiros II), de novos códigos de administração global e da realidade atual do mercado que gera novas e consideráveis demandas para as equipes de relações com investidores de todo o mundo.”

O papel do profissional de RI continua a evoluir, aumentando em importância estratégica. A pesquisa deste ano também destaca as principais tendências e questões de RI para ajudar a comunidade de emissores a se preparar melhor para o futuro. Isso inclui insights sobre igualdade de gêneros na profissão de RI, com base no perfil de gênero dos entrevistados, e como os profissionais de RI estão reagindo a acontecimentos críticos do mercado, incluindo o crescimento do investimento passivo e ambiental, social e de governança corporativa (Environmental, Social and Corporate Governance - ESG).

Igualdade de gêneros (com base no perfil de gênero dos entrevistados da pesquisa):

  • Perfil de gênero dos entrevistados da pesquisa: 29% dos diretores de relações com investidores (Investment Relations Officers, IROs) entrevistados eram do sexo feminino e 71% do sexo masculino.
  • IROs mulheres ganham, globalmente, cerca de um terço (31%) menos do que seus colegas homens (salário médio total e bônus).
  • Essa diferença salarial era muito maior nos mercados emergentes, onde IROs homens ganham quase dois terços ou 65% mais que IROs mulheres.

 Investimentos passivos e ESG (com base no feedback dos entrevistados da pesquisa):

  • Com o aumento da relevância do investimento passivo, quase um terço – ou 32% dos IROs – relatou que a comunicação com esse tipo de investidor foca nas questões de governança.
  • 35% dos emissores relataram maior envolvimento com investidores passivos na América do Norte, seguida pela Ásia-Pacífico (29%), América Latina (21%), África e Oriente Médio (9%) e Europa (7%).
  • Na América do Norte, quase dois terços – ou 62% dos entrevistados –  acreditam que o crescimento dos investimentos passivos terá maior impacto sobre as funções de relações com investidores nos próximos anos.

FAÇA O DOWNLOAD DA PESQUISA TENDÊNCIAS GLOBAIS DAS RELAÇÕES COM INVESTIDORES 2017.

_______

O BNY Mellon é uma empresa de investimentos global dedicada a ajudar seus clientes a gerenciarem e acompanharem seus ativos financeiros ao longo do ciclo de vida do investimento. Seja para instituições, empresas ou investidores individuais, o BNY Mellon presta serviços de investimento e de administração de investimentos baseados em informações de 35 países e mais de 100 mercados. Em 30 de setembro de 2017, o BNY Mellon detinha US$ 32,2 trilhões em ativos sob custódia e/ou administração e US$ 1,8 trilhão em ativos sob administração. O BNY Mellon pode atuar como único ponto de contato para clientes que procuram criar, comercializar, manter, gerenciar, prestar serviço, distribuir ou reestruturar investimentos. BNY Mellon é a marca corporativa do The Bank of New York Mellon Corporation (NYSE: BK). Informações adicionais estão disponíveis em www.bnymellon.com. Siga-nos no Twitter @BNYMellon ou visite nossa sala de imprensa em www.bnymellon.com/newsroom para saber as últimas notícias da empresa.

Este documento, que pode ser considerado publicitário, destina-se somente para fins de informação geral e referência, não tendo a intenção de prestar consultoria jurídica, fiscal, contábil, de investimento, financeira ou outra consultoria profissional sobre qualquer assunto, não devendo ser usado como tal. O BNY Mellon não garante a exatidão ou integridade das informações ou dos dados aqui contidos nem se compromete a atualizá-los ou alterá-los. Nós renunciamos expressamente a toda e qualquer responsabilidade por perdas que resultem ou dependam de quaisquer informações ou dados aqui contidos. Nós não oferecemos consultoria, recomendação ou endosso com relação a qualquer empresa ou título. Se distribuído no Reino Unido ou EMEA, este folheto pode ser uma promoção financeira.

Este documento não se destina a ser distribuído ou usado por qualquer pessoa ou entidade em uma jurisdição na qual tal distribuição ou uso seja contrário às leis ou regulamentações locais. Da mesma forma, este documento não pode ser distribuído ou utilizado como oferta ou solicitação em nenhuma jurisdição ou circunstância na qual tal oferta ou solicitação seja ilegal ou não autorizada, ou na qual poderia haver, em virtude de tal distribuição, requisitos de registro novos ou adicionais. As pessoas que venham a ter acesso a este documento devem se informar e observar quaisquer restrições que se apliquem à distribuição do mesmo em sua jurisdição. As informações contidas neste documento destinam-se a clientes atacadistas e não devem ser usadas por clientes do setor de varejo. O BNY Mellon detém várias subsidiárias, afiliadas, filiais e escritórios de representação na região da Ásia-Pacífico, que estão sujeitos à regulamentação do órgão regulador local relevante na jurisdição. Nem todos os produtos e serviços são oferecidos em todas as localidades.

Este material não pode ser reproduzido nem divulgado de qualquer forma sem a prévia autorização por escrito do BNY Mellon.

Certificados de depósito:
SEM SEGURO DA FDIC [Federal Deposit Insurance Corporation (Sociedade Federal de Segurança de Depósito)], DE AGÊNCIA ESTADUAL OU FEDERAL PODE PERDER VALOR NENHUMA GARANTIA DE AGÊNCIA BANCÁRIA, ESTADUAL OU FEDERAL.